Link para o portal do IFRJ. Link para a página do Outubro Rosa Logo IFRJ

Ambientação para os novos servidores do IFRJ

O reitor Paulo Assis abriu o último dia da Ambientação

 

A Diretoria de Gestão de Pessoas do IFRJ finaliza hoje, 10 de outubro, o processo de ambientação para novos servidores da Instituição no auditório do campus Rio de Janeiro com a presença do reitor Paulo Assis.

O objetivo do projeto é o de proporcionar aos novos servidores, 67 docentes e 42 técnicos, uma visão ampla dos setores do Instituto, bem como permitir a eles que esclareçam algumas dúvidas junto aos gestores. Durante três dias, todos tiveram a oportunidade de conhecer a dinâmica de trabalho de diversos setores. Cada Pró-Reitoria teve a oportunidade de apresentar suas realizações, projetos e perspectivas para a Instituição.

Paulo Assis deu as boas-vindas aos técnico-administrativos e professores e agradeceu a escolha deles. “Que bom que optaram por IFRJ para dar prosseguimento as suas carreiras. Aqui vocês encontrarão um ambiente acolhedor. Eu costumo dizer que os servidores gostam da Instituição, sentem prazer em trabalhar aqui”.

Paulo assis  em primeiro plano e plateia ao fundo

O reitor aproveitou a ocasião para falar de diversos assuntos relevantes, como o atual momento em relação ao contingenciamento de verbas, promovido pelo Governo Federal. Paulo lembrou que, desde o início de sua gestão, esse problema se agravou.  “Para que vocês entendam, na verba para investimentos, desde então, houve um primeiro corte de 50% e depois dois cortes consecutivos de 40%. Hoje temos, aproximadamente, 20% do que tínhamos quando a nossa gestão assumiu”.

Mas, logo em seguida, os novos servidores ficaram sabendo da evolução ao longo dos últimos anos. O reitor falou sobre a implantação do Sistema Integrado de Gestão, que vai unir todos os setores e atividades da instituição e que, inicialmente, tem foco na substituição do antigo sistema acadêmico da graduação, cujo contrato estava por vencer. “Cuidaremos da Graduação, da Pós-graduação e depois do Técnico”, explicou Paulo Assis.

Outros assuntos abordados na fala do reitor foram a expansão do IFRJ, através da implantação de novos campi, a ampliação do campus São Gonçalo e também de Mesquita, com a rececente cessão de um espaço no município de Queimados, o compromisso da atual Gestão com a transparência das atividades, a internacionalização e as ações da Diretoria da Rede de Assistência Estudantil (DIRAE).

Segundo o reitor, os avanços são significativos na transparência das atividades, através da realização de reuniões periódicas com o Colégio de Dirigentes e com o Conselho Superior. As reuniões do Consup são transmitidas ao vivo no site da instituição.

No quesito internacionalização, Paulo Assis lembrou que o IFRJ enviou estudantes para Portugal, Canadá e Reino Unido. Além disso, o Instituto recebeu visitas importantes, como a do vice-presidente do Coleg y Cymoedd, John Phelps, do País de Gales. “Também tivemos dois alunos franceses conosco e existe a possibilidade de recebermos alunos do Canadá”, disse. A Instituição também receberá professores moçambicanos em breve, no campus Pinheiral.

Em relação aos alunos, o IFRJ instituiu a Diretoria da Rede de Assistência Estudantil (DIRAE): “Assuntos prioritários, como alimentação, transporte e moradia estão sempre em pauta. O contato com os grêmios estudantis é constante e todo mês eu e a equipe DIRAE recebemos alunos para conversar”.

 

  

  

  

 

 

 

   

ASSUNTOS

SERVIÇOS

REDES SOCIAIS

NAVEGAÇÃO