Logo IFRJ

IFRJ firma parceria com instituto peruano

Reitor e assessora internacional do IFRJ assinam termo de parceria. Juntos, sentados ao redor da mesa, encontram-se também o representante do Peru e diretor de implantação do campus Belford Roxo.

O reitor do IFRJ, professor Paulo Assis, recebeu em seu gabinete, na manhã de quarta-feira (28/12), a visita do representante da província de Huallaga, no Peru, Victor Paima Ludeña, que veio como porta-voz do Instituto de Educación Superior Tecnológico Público de Huallaga. O objetivo do encontro foi concretizar a assinatura de um termo de convênio entre as instituições.

 

Para Paulo Assis, o convênio firmado reforça a intenção do IFRJ e da Rede Federal de aumentar o papel na América Latina. “Temos que interagir mais com os institutos de educação, fundamentalmente da América do Sul. E fazer intercâmbio com uma instituição do Peru é de extrema importância para intensificar essa relação. Está prevista uma ida nossa até lá para dizer quais são os princípios de funcionamento do IFRJ, de tal sorte que possamos passar nossa experiência para eles”, explicou o reitor, dizendo ainda que o IFRJ receberá alunos e professores peruanos e avaliará a possibilidade de enviar pesquisadores, professores e alunos ao país vizinho.

 

 

Todos de pé, posam para a foto exibindo o termo assinado.

O reitor Paulo Assis, a assessora internacional Adriana Rigueira,

o representante do Peru Victor Paima Ludeña e diretor de  

Implantação do campus Belford Roxo Fábio Silva

 

Huallaga é uma das dez províncias da região de San Martín, no norte do Peru. Com seis distritos e economia muito voltada para o plantio de cacau, café, arroz e laranja, Victor demonstrou principal interesse em realizar intercâmbio com o curso técnico de agroindústria e explica que vê na parceria com o IFRJ uma oportunidade para melhorar a qualidade do cultivo na região. “Queremos investir em capacitação para buscar uma melhoria que beneficiará toda a comunidade. Esse convênio abrirá portas para que nossa comunidade alcance o mundo, trazendo nossos jovens para aprender mais”, afirmou.

 

O reitor do IFRJ sinalizou ainda que a colaboração poderá ser ampliada para outros cursos: “Nosso Instituto tem diversas opções de formação que podem desfrutar deste intercâmbio, como os da área de Meio Ambiente. Manteremos um diálogo para avaliar quais serão mais proveitosos para ambas as instituições”, concluiu. 

ASSUNTOS

SERVIÇOS

REDES SOCIAIS

NAVEGAÇÃO