Logo IFRJ

SERSA

Educação Permanente em Parada Cardiorrespiratória, no Campus Engenheiro Paulo de Frontin-IFRJ

O Serviço de Saúde do Campus Engenheiro Paulo de Frontin promoveu a 2 ª oficina de Educação Permanente em Primeiros Socorros. A atividade aconteceu no dia 20 de Fevereiro de 2019, no próprio campus. A temática abordada foi suporte básico de vida em caso de parada cardiorrespiratória (PCR), e teve como objetivo discutir e refletir sobre as condutas de ressuscitação cardiopulmonar(RCP) diante de uma situação–problema apresentada aos servidores. De forma que, utilizando a metodologia de aprendizagem baseada em problemas (PBL), os servidores puderam em conjunto formar um novo saber para agirem em caso de parada cardíaca no ambiente escolar.
A teorização da temática se deu através de um aula expositiva dialogada, fundamentada na atualização das diretrizes para RCP e atendimento cardiovascular de emergência (ACE) da American Heart Association, de 2015.
Após, a explanação teórica, foram demonstradas e realizadas as manobras de ressuscitação cardiopulmonar em um manequim adulto, onde os participantes simularam as condutas, presentes na cadeia ou elos de sobrevivência, adotando a determinada sequência: 1- Reconhecimento imediato PCR; 2- RCP precoce, com ênfase nas compressões torácicas; 3- Rápida desfibrilação; 4- Suporte Avançado de Vida eficaz e; 5- Cuidados pós-PCR. 
A educação permanente em primeiros socorros sobre o atendimento da PCR e as manobras de RCP para professores e funcionários do instituto é essencial para a qualificação do socorro prestado e a sobrevida das vítimas no âmbito escolar. Além disso, coaduna com a lei 13.722, aprovada em outubro deste ano, a qual determina a obrigatoriedade do fornecimento de cursos, em noções de primeiros socorros, para professores e funcionários das escolas públicas e privadas da educação básica.

Facebook

ASSUNTOS

SERVIÇOS

REDES SOCIAIS

NAVEGAÇÃO