Logo IFRJ

Campus Realengo realiza III Semana de Extensão

A III Semana de Extensão (Semanex) do campus Realengo ocorreu nos dias 8 e 9 de maio e, nesta edição, teve como tema “Curricularização da Extensão: um dos caminhos para a educação interprofissional”.

Nos dois dias de evento, foram realizadas: uma roda de conversa com a apresentação dos trabalhos extensionistas em andamento, palestras, debates, oficinas, vivências, apresentações culturais e exposições, com a participação dos Centros Acadêmicos de Fisioterapia (CAFISIO) e de Terapia Ocupacional (CATO) e do Diretório Acadêmico de Farmácia (DAFAR), além da Atlética e das Ligas Acadêmicas do campus.

Juntamente à pró-reitora de Extensão, Cristiane Henriques de Oliveira, compuseram a mesa de abertura a diretora-geral do campus, Elisa Pôças; a diretora de Ensino, Hélia Pinheiro; a coordenadora de Extensão, Ana Carolina de Souza; e a coordenadora do Núcleo de Apoio às Pessoas com Necessidades Específicas (NAPNE), Viviane Souza.

“O campus irá resistir e sobreviver cada vez mais forte. Vocês estão aqui para ter uma educação pública, gratuita, de qualidade e para transformar essa sociedade e o mundo. Por isso que estamos aqui, para transformar a vida de vocês, a vida das pessoas”, afirmou a diretora-geral, Elisa Pôças.

Em seguida, o professor do Colégio Pedro II e sociólogo, Maycon Bezerra de Almeida, palestrou na conferência de abertura a respeito da ofensiva neoliberal e seus impactos nas práticas extensionistas.

Dentre outras atividades, o primeiro dia do evento contou com o II Fórum de Acessibilidade e Inclusão do Núcleo de Apoio às Pessoas com Necessidades Específicas (NAPNE), que ofereceu uma oficina de libras e uma oficina de áudio-descrição aos participantes.

A I Feira de Cursos do campus Realengo também foi destaque. Com o objetivo de apresentar o curso técnico e os cursos de graduação oferecidos no campus e as atividades relacionadas ao ensino, a atividade teve como principal público os alunos do ensino médio, de escolas públicas e particulares.

Júlia Bastos, aluna da 3ª série do Ensino Médio do Centro Educacional Elpidio da Silva, considerou a feira de cursos uma iniciativa muito boa, principalmente para quem está perto de se formar e ainda não decidiu qual carreira irá seguir. “Conhecer os laboratórios e a rotina dos alunos ajuda a gente a confirmar na nossa cabeça o que realmente queremos e serve de incentivo para alcançarmos nossos objetivos e estarmos aqui futuramente”, concluiu.  

Segundo dia – O projeto “Cuidado ao paciente com diabetes”, que envolveu o Programa de Educação Tutorial (PET) Saúde Interprofissionalidade, a Liga de Bioquímica Carl Neuberg e a Liga Dermatofuncional, foi destaque no segundo e último dia de evento. A atividade, realizada na Clínica Escola, ofereceu orientação às pessoas a respeito dos sinais e sintomas característicos da doença, teste de glicemia e aferição de pressão arterial, teste de sensibilidade – pé diabético, avaliação de autocuidado a diabetes, além de orientações educativas para cuidado ao pé diabético.

O segundo dia da Semana de Extensão ainda contou, entre outras atividades, com a apresentação de trabalhos extensionistas, tanto de diferentes campi do IFRJ, assim como de outras instituições, na modalidade banner.

Flavia Pacheco de Araújo, professora adjunta do Departamento de Enfermagem Fundamental da Escola de Enfermagem Anna Nery da UFRJ, participou do evento, juntamente com as suas alunas, por meio do convite de uma colega professora do IFRJ e destacou como positiva essa integração de diferentes instituições. Para ela, a extensão, além de integrar o ensino e a pesquisa, promove a articulação com a sociedade. “A notoriedade da extensão está em levar uma melhoria para a sociedade, seja ela no campo da saúde, da educação, da arte ou da cultura”, afirmou.

O encerramento da III Semana de Extensão ficou por conta da Mostra de Talentos, que foi marcada por diferentes atividades culturais, como apresentações teatrais, de dança e de música.

Colaboração: Carolina Andrade

ASSUNTOS

SERVIÇOS

REDES SOCIAIS

NAVEGAÇÃO