Logo IFRJ

Eng. Paulo de Frontin alinha parceria entre o MCTIC, Inmetro e prefeitura para projeto de iluminação pública

Participantes da reunião em frente ao logo do BNDES

O pró-reitor de Pesquisa, Inovação e Pós-Graduação (Proppi) do IFRJ, Rodney Albuquerque, representando o reitor Rafael Almada, participou nesta sexta-feira (06/07), de uma reunião na sede do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). O objetivo foi alinhar a infraestrutura para um projeto inédito para rede inteligente de iluminação pública no município de Engenheiro Paulo de Frontin.

Também estiveram presentes na reunião o representante da Secretaria de Telecomunicações do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), Luís Ramos; a analista executiva em Metrologia e Qualidade do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), Luciana e Sá Alves; o secretário de Desenvolvimento, Trabalho, Renda, Ciência e Tecnologia do município de Engenheiro Paulo de Frontin, Marcos Fontes Noronha, representando o prefeito Jauldo Neto; e o diretor-geral do campus Eng. Paulo de Frontin, Ricardo Esteves Kneipp.

“O município, que é sede do programa Cidades Digitais, foi escolhido devido à existência do campus do IFRJ. O projeto piloto ajudará a transformar a cidade de Engenheiro Paulo de Frontin em uma ‘Smart City’, uma das soluções de IoT [Internet of Things]”, afirmou o pró-reitor da Proppi, Rodney Albuquerque.

Na sua essência, a IoT significa um ambiente que reúne informações de vários dispositivos (computadores, veículos, smartphones, semáforos e quase qualquer coisa com um sensor) e de aplicações (qualquer coisa desde uma aplicação de mídia social como o Twitter a uma plataforma de comércio eletrônico, de um sistema de produção a um sistema de controlo de tráfego). *

*Com informações do Computerworld

 

ASSUNTOS

SERVIÇOS

REDES SOCIAIS

NAVEGAÇÃO